in

Carta aberta para Niantic, #PokemonGOLatam

Olá Niantic, como vai?

Esperamos que todos estejam bem! Este foi um ano cheio de sucessos financeiros para o jogo, como podemos observar pelo lucro obtido, equivalente a mais de um bilhão de dólares, de acordo com a Sensor Tower. Porém, da Comunidade de Pokémon GO LATAM, gostaríamos de chamar a atenção para um tópico crucial que acreditamos que deve ser considerado: o atual custo dos eventos pagos no Pokémon GO.

Entendemos que o custo que vemos na loja é o resultado da taxa de câmbio do dólar para a moeda utilizada em outras regiões. Entretanto, o preço em dólares é muito mais acessível para outros países que estão fora da América Latina. Para dar mais contexto ao que estamos tentando dizer, vamos usar o evento Pokémon GO Tour: Kanto como exemplo: nos países da região que assinam esta carta, o ingresso custa entre 5% e 7% do salário mínimo. Isso é muito! E isso é devido à nossa situação econômica, que tem sido condicionada pelos diferentes contextos políticos e de saúde pública que estamos vivendo.

Um custo tão alto resultará em uma pequena participação de nossa comunidade, o que causará frustração e a sensação de ficar de fora. Pedimos a gentileza de reavaliar o custo dos ingressos para a comunidade LATAM, com um novo custo mais próximo da nossa realidade. Sinceramente acreditamos que, com um preço novo e justo, haverá muito mais jogadores participando de eventos como estes.

Também temos algumas sugestões (veja na próxima imagem) que podem ser úteis para o nosso problema.

Esperamos esperançosamente uma resposta.

Treinadores Pokémon GO LATAM

Metodologia de Precificação Regionalizada

Como você provavelmente sabe, uma prática comum na indústria do jogo é a precificação regionalizada, onde os preços não são definidos de forma equivalente ao dólar americano em diferentes mercados, mas considerando a moeda local.

Muitas empresas de jogos usam essa estratégia, vendendo mais jogos à medida que alcançavam um público maior e, além de tudo, fazendo com que os jogadores ficassem felizes. Alguns exemplos de empresas que usam essa metodologia são Epic Games, Steam e Blizzard.

Sabemos que algumas lojas possuem regras rígidas que não permitem isso, portanto encontramos uma possível solução para esse problema e gostaríamos de saber sua opinião sobre esta proposta.

Pokécoins

Sabemos que o pacote de 100 Pokécoins tem um preço regionalizado usando o “Alternate Tier A – 0,99 USD” da Apple, possibilitando que vários jogadores comprem itens no jogo por um preço justo e local, e agradecemos o esforço da Niantic em habilitar essa opção na loja do Pokémon GO.

Nossa proposta é estender essa mesma metodologia de preços para os novos eventos pagos, uma vez que esses tipos de eventos parecem ser uma tendência, considerando os eventos anunciados recentemente.

Os ingressos poderiam ser vendidos diretamente por Pokécoins. Desta forma, o evento de Kanto, que custa mais de 2 dias de trabalho para o jogador adquirir (considerando o salário médio da nossa região), custaria um pouco mais de meio dia de trabalho.

Written by POKESTGO

Navidad 2020 en Pokémon GO

Pokémon GO Community Day Enero 2020: Machop